segunda-feira, abril 2

Onda proibida?


Essa onda é sem dúvida objeto de desejo de muitos marmanjos. Porém foram poucos, pouquíssimos, que tiveram a oportunidade e o privilégio de remar até o outside, botar pra baixo e sair manobrando sem parar, até cansar as pernas nessas esquerdas. Ano após ano, esse tal de localismo, continua impregnando nessa praia e dessa forma atrasando a evolução dos próprios locais.

Murilo Graf não está nem aí para essa história de localismo. Faz parte da primeira geração do surfe Barriga Verde e ainda garoto, na época da escola, entre uma aula e outra, “liberou” o pico pra quem não o conhecia através dos seus traços.

Artista plástico com obras espalhadas por todos os cantos do planeta, Murilo segue sua vida entre inúmeros desenhos, esculturas, pinturas e muitas ondas. E quando tem tempo livre está na água se divertindo.

Uma dica pra quem está pensando em encarar essa onda proibida. Passa na casa do cara e leva ele junto na barca. Ele tem o Green Card...

Um comentário:

surf4ever disse...

Alucinante! Muito bem editada a animação, sonzeira animal. Arte pura!

Valeu a visita e o elogio lá no Surf4ever, Maurio! A minha idéia para aquele artigo também surgiu do "Floripa Tem". No verão, pra turista ver, tudo é maravilhoso. Passa o oba-oba e aí durante o ano fica cada vez pior.
Falou,
Gustavo