quinta-feira, maio 10

Elas sumiram...

Mais um dia com tudo parado lá no Tahiti.

Mais um dia de marolas em Teahupoo. Já são 5 dias sem boas ondas, numa janela que começou no dia 4 e se estende até o dia 14 de maio. Vale lembrar que a primeira fase do Billabong Pro foi disputada em ondas cascudas, porém longe das condições ideais.

Ah, se fosse aqui no Brasil...
O que ia ter de top reinando, louco para ir embora... Com certeza muitos já estariam olhando atravessado para os organizadores.

Como me disse Xandi Fontes, da Fecasurf, lá em Imbituba durante o Nova Schin Festival: é uma pressão...

2 comentários:

Anônimo disse...

ae maurio, valeu a solidariedade boleira (a libertadores pra gente é tudo!) e boa sorte pro seu figueira que um dia foi abençoado pelo mito supremo, tom curren. ah, coloquei seu link no pão na chapa, tá bacana o blog, segue o trabalho. abraço, zé

surf4ever disse...

A conclusão então é de que a pressão dentro d'água é inversamente proporcional à pressão fora d'água...

Murphy atacando também em Teahupoo, talvez assim eles passem a respeitar mais os outros lugares do Tour.

Mas é uma pena, pois o que nós meros mortais queremos mesmo é ver imagens das cracas bufando em todas as etapas.