quinta-feira, outubro 29

Você sabia?

O SuperSurf começou nessa quinta-feira na Barra da Tijuca no Rio de Janeiro. E eu que pensei que isso já tinha acabado... Foi-se o tempo que todos esperavam com ansiedade para saber quem seria o campeão brasileiro. Em 2010 o SuperSurf será válido pelo WQS. Serão 4 etapas: uma etapa 4 estrelas, uma etapa 5 estrelas e outras duas 6 estrelas. Eu pergunto: serve pra que etapas nível 4 e 5 estrelas nos dias de hoje, com uma infinidade de etapas seis estrelas e primes disponíveis? A quem interessa essa enorme quantidade de campeonatos que não agregam absolutamente nada? Vou voltar a escrever sobre esse tema com mais dados e informações em mãos.

8 comentários:

DSC disse...

acabei de comentar isso com uma amigo aqui....se eu que sou surfista não sei que ta rolando o supersurf...imagina quem não surfa..e o campeão brasileiro não tem status nenhum...todos sabem que o melhor do brasil mesmo ta na elite do worldtour....o cara fica sem crédito...não permitir que os tops do ct disputem quebrou o circuito...tentei assistir uma etapa, acho que na bahia,mas o mar tava tao ruim que foi ridiculo de ver...alguma coisa tem de mudar ai...abraço

Anônimo disse...

Barriga Verde, tu és o cara, melhor tu és o surf em pessoa.
Abçs
Castro






NB;Vc viu os Tuba no sul???

Hugo Castro disse...

Poizé Máurio, daqui a pouco tb vão querer fazer WQS 1 estrela, ta parecendo classficação hoteleira iso já.. hahah

Acho boa essa idéia pq o Super surf hj, cá entre nós é uma espécie "sub surf". hehe

estamos aguardando teu próximo post referente ao assunto.

jefferson lopes disse...

Quem é o campeão profissional americano? E australiano? Agora Pro Jr a galera sabe. QS e WT também. Essa mudança pode ser benéfica para o surfe, isso se não ficar restrito aos atletas brasileiros como os QSs de São Chico...

rodrigo rozenbaum disse...

Assim como o WT precisa de mudança, o brasileiro precisa ainda mais. Estou cansado de ver surfistas fazerrem finais e ganharem campeonatos sem um patrocínio principal no bico.

A coisa anda tão feia que até o último campeão Pro-jr da etapa em Bali, um australiano estava sem patrocínio principal.

Campanha SOS Surf Profissional já.

daniel disse...

Bom dia maurio,

Talvez haja tantos campeonatos pois deve haver gente ganhando na promoção dos mesmos.

Já os atletas (simão, pedrinho, leo neves, pedra, nunes, bobby martinez...........) seguem sem patrocinio.

Creio que os dividendos não estão sendo distribúidos de forma justa e responsável.

Aloha
Daniel Caldas

Anônimo disse...

Super Surf vai virar WQS...porque a ABRASP não aguentava mais a ABRIL eventos que transformou o circuito profissional dos surfistas num circo para um monte de putas que sonham em aparecer na playboy, música eletrônica nas tendas com um monte de outsiders na área, e os surfistas profissionais ignorados tendo que disputar espaço neste circo...o super surf não tem uma área especifica para o atleta, entre outras coisas...resumindo para a ABRIL o circuito é uma grande festa que mostra um lado do surf que não existe...e para ABRASP o surfista é a grande estrela deste espetáculo...agora o super surf como WQS... os caras da ASP estão dando ri$ada, pois o circuito super surf já está pronto, é só faturar!!!

Anônimo disse...

Eitcha Anonimo nervoso, esse 8.57 am. Mas falou bem, sabe das directions do surf brasillis.Aloha
Castro